Manthiqueira conquista título inédito da Segundona do Campeonato Paulista

Com a conquista, a Laranja Mecânica quebrou recordes de público, tabus históricos com marcas inéditas na história do clube

 

Foto: Leandro Oliveira / AD Manthiqueira

 

O clube que ocupou o espaço do Guará nos corações dos torcedores de Guaratinguetá e região conquistou um título inédito neste dia 30/09. O Manthiqueira fez história ao ser campeão da Segunda Divisão do Campeonato Paulista, a famosa Segundona. A conquista veio pela vitória em casa, no estádio Dário Rodrigues Leite, com um placar de 2 a 1 em cima do São Bernardo.

 

Para os amantes do futebol, esta conquista teve um sabor especial por ter ocorrida em cima do carinhosamente chamado de ‘Vovô do ABC’, como é conhecido o EC São Bernardo. Com a vitória, o Manthiqueira que foi apelidado de ‘Laranja Mecânica’, em alusão a mística seleção da Holanda de 1978, conquistou o primeiro título de sua história e de doze anos de fundação e apenas seis anos em competições pela Federação Paulista.

 

Alguns fatos sobre esta conquista são interessantes, que além do acesso histórico, a arrancada rumo à série A3, a dois acessos da elite do futebol paulista, o clube é treinado pelo treinador Luis Felipe de apenas 28 anos, e é natural de Guaratinguetá, um jovem e promissor na carreira técnica., além do recorde de público na competição, com 5.119 torcedores presentes no estádio para prestigiarem a conquista da Segundona.

 

CURIOSIDADES

Segundo dados do Portal G1, este foi o primeiro título da história do estádio Dario Rodrigues Leite, que inaugurado em 1965, em duelo entre a Esportiva e o Taubaté, o principal palco do futebol de Guaratinguetá nunca havia visto uma equipe de a cidade levantar um troféu.

 

Aliás, Guaratinguetá não via uma equipe do município conquistar um título dentro de casa, como viu com o Manthiqueira, desde 1960. A última vez foi quando a Esportiva, atualmente afastada do futebol profissional, conquistou o título da Divisão de Acesso do Campeonato Paulista, ao derrotar o XV de Jaú por 5 a 0, no estádio Benedito Meirelles.

 

Para completar a lista de feitos, com a conquista, foi quebrado um tabu de dez anos sem títulos das equipes do município. O último havia sido do Guaratinguetá, em 2007, quando a Garça foi campeã do Campeonato Paulista do Interior, ao bater o Noroeste, em Bauru.

 

 

 

Spread the love

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *