Santuário faz campanha para restaurar estátua de Frei Galvão em Guará

Santuário faz campanha para restaurar estátua de Frei Galvão em Guará

Estátua chegou a ser abençoada pelo Papa Francisco em 2013 e devido à exposição ao ar livre acabou danificada

.

FONTE: G1 Vale do Paraíba e Região

.

O Santuário de Frei Galvão iniciou uma campanha de arrecadação de fundos para restaurar a estátua do santo, deteriorada pelo tempo em Guaratinguetá (SP). O monumento de oito metros de altura é símbolo turístico e foi abençoado pelo Papa Francisco em 2013.

.

De acordo com a organização católica, a primeira ação da campanha será feita no próximo domingo (30) com a Feijoada do Frei. Os interessados podem comprar a marmitex por R$ 20 na secretaria do Santuário.

.

As entregas da feijoada será feita no domingo no sistema drive-thru, com a retirada sendo feita das 11h às 15h.

.

Frei Galvão

.

Frei Antônio de Sant’Anna Galvão, o primeiro santo nascido no Brasil, nasceu em Guaratinguetá, em 1739. Permaneceu até os 13 anos na cidade, depois foi estudar na Bahia. O frei foi ordenado sacerdote em 1762 e completou os estudos teológicos no Convento de São Francisco, em São Paulo. Viveu durante 60 anos na capital, até morrer em 23 de dezembro de 1822.

.

A canonização dependia de o Vaticano reconhecer dois milagres. A confirmação final ocorreu em dezembro de 2006, próximo à semana do Natal, com a autenticação do segundo milagre: salvar a vida da mãe e de seu bebê há sete anos, em São Paulo, 177 anos após a morte do religioso, em 1822. Orações ao beato teriam garantido que um parto de altíssimo risco fosse bem-sucedido.

.

Em 1998, o frei brasileiro que curava as pessoas em vida foi beatificado e reconhecido pelo papa João Paulo II. Para se tornar beato, foram 11 anos de estudos de cerca de 30 mil milagres avaliados. Desta enorme quantidade de graças relatadas por fiéis, cinco foram escolhidas e uma enviada para Roma.

Compartilhe


Comentários


Notícias Relacionadas


ii